FazLike
FAZ-ME um LIKE - Magazine de utilidades e entretenimento 100% português ........... Olá LIKER !....... Sabias que cada mascote tem uma temática própria? Clique nelas e explora! .......... Iremos regressar com mais força. Até breve! .......... Tenha um LIKE DAY com O SITE mais LIKE de sempre !
portugalike category image
PORTUGALIKE | 15 Junho, 2013

EDP é um tacho parlamentar – Vídeo

edp é um tacho parlamentar “Poiszé pá ! Isto é escandaloso” Neste vídeo, Paulo Morais exemplifica alguns dos nomes de deputados com interesses directos com a EDP. Rídiculo e absurdo é dizer pouco em relação a esta pandemia de corrupção e joguinhos supostamente legais que são públicos… Brincam, literalmente, na cara do povo sem quaisquer escrúpulos…

Paulo Morais afirma que:

“O parlamento tem uma comissão para acompanhamento para programa de existência financeira chamada: Comissão eventual para acompanhamento de existência financeira. Os mais importantes deputados dessa comissão têm todos interesses com a EDP (…) nomeadamente têm cargos diretos com a EDP e depois são eles próprios que fiscalizam o seu trabalho. Exemplificando:

Miguel Frasquinho (deputado do PSD) trabalha no grupo Espírito Santo, que foi exactamente a identidade que tratou da asseguria financeira da compra da EDP por parte dos chineses.

Adolfo Mesquita Nunes (deputado CDS-PP) que é advogado, que trabalha num escritório de advogados que trabalha para a EDP.

Pedro Pinto que também é deputado do PSD, e hoje é, vice presidente do PSD é consultor de duas empresas que dependem absolutamente da EDP.

Como é que estes senhores vão fiscalizar matérias que tenham a ver com a privatização e com a EDP com a comissão parlamentar ? “

Paulo Morais convida estes visados a terem um pouco de vergonha e mais afirma, que todos deveriam ir ao site do parlamento porque esta informação é pública. “Aqui podem ver os registos de interesse destes senhores e ver nomeadamente as ligações que eles têm com a EDP”.

Em sátira política ainda diz:

“Devem ser senhores que de manhã vão trabalhar para os consultórios de advogados e depois à tarde vão para o Parlamento fiscalizar o que eles próprios fizeram durante a manhã”

Estas informações são públicas e como é possível este país permitir situações de interesse desta envergadura, nomeadamente os maiores partidos do regime permitirem-se colocar na comissão que vai avaliar o programa de existência financeira, pessoas que tenham interesses em quase todas as medidas no programa de existência financeira.

O parlamento tornou-se num grande centro de negócios ao invês de defender os interesses nacionais…

Esta informação crucial para que o povo possa entender estas “malabarices” políticas são transmitidas às 4 horas da manhã… E não percebo porque é que isto acontece, mas desconfio… – Sabes que mais, sabes, sabes ?! – Isto tá jeitoso. Ai tá, tá !”

Já fizeste um LIKE hoje ?

Faz LIKE que não pagas Imposto pá!